Últimas Notícias
Capa / Entevista / Confira a entrevista com militante da chapa 1 para o SINTUFSC!
Confira a entrevista com militante da chapa 1 para o SINTUFSC!

Confira a entrevista com militante da chapa 1 para o SINTUFSC!

13.07.2016 – Redação – UàE

 

Hoja à tarde, na frente da reitoria, o UFSC à Esquerda esteve presente na barraca de divulgações da chapa 1 – TAES livres, a qual está concorrendo às eleições do SINTUFSC, e entrevistou um integrante da chapa para conhecer e divulgar quais os objetivos da chapa! Nosso entrevistado é o Luiz Artur de Oliveira – técnico mecânico, lotado na Prefeitura Universitária da UFSC, segue abaixo a entrevista!

 

UàE – Poderia nos dar uma breve apresentação da chapa, falando sobre a história do grupo que a compõe e sobre a importância que vocês atribuem à disputa do sindicato.

O grupo é formado em sua base pelos TAEs livres, um grupo que já vem trabalhando em algumas pautas internas dos trabalhadores da UFSC, como as 30 horas e a parte de redimensionamento dos trabalhadores através do grupo Reorganiza. Além da greve inédita de 6 horas que culminou em uma greve sem paralisações com a intenção de manter a instituição aberta, ininterruptamente. Entendemos que essa atual direção já está há mais de 5 anos atuando e ela faz um desserviço pra categoria, alinhando-se com a administração da UFSC e fingindo lutar por direitos da categoria, o que efetivamente não faz. Nesse sentido, lançamos uma chapa de oposição contra a direção omissa, conservadora e hipócrita.

 

UàE – O que, politicamente, está em disputa nessas eleições para os TAE’s?

Está em disputa a real defesa dos direitos dos trabalhadores que, como citado anteriormente, a atual direção apenas finge lutar por.

 

UàE – Como está sendo a campanha e como eles estão percebendo a receptividade da base?

 

Há três semanas das eleições estamos agora efetivando a campanha com passagens setoriais, com a montagem de bancas de rua e trabalhando intensamente nas mídias e o que percebemos até o momento é uma alta receptividade da categoria que se justifica na visão de uns pela simples oxigenação da direção e trocá-la por novos companheiros, bem como a visão de outros, e que, esse novo grupo está disposto realmente a lutar pelos direitos da categoria.

 

UaE – Vocês estão conseguindo que pessoas se envolvam junto com a chapa nessa luta?

Temos uma série de companheiros que demonstram esse apoio, inclusive ajudando nas passagens setoriais, bem como nas demais divulgações, além de outros companheiros que já haviam abandonado a esperança no sindicato, no instrumento em si de luta, e veem nessa chapa de oposição a possibilidade de mudança.

 

UàE – Qual a importância de participar das eleições e por que votar nesta chapa?

O funcionalismo público vem sendo atacado há tempos, e mais aceleradamente com a posse do presidente golpista e interino, Michel Temer. A PLP257 é uma das armas do governo contra o funcionalismo e impõe como moeda de troca para renegociação das dívidas dos estados o congelamento salarial e o fim da contratação dos servidores públicos. Este é só um dos ataques! Podemos citar como outro exemplo o ataque, não só ao serviço público, mas à toda sociedade, a destinação anual de quase 50% do orçamento federal para o pagamento de juros e amortizações da dívida pública enquanto saúde e educação ficam com menos de 4% cada. Tendo este cenário como palco das lutas sociais e a atual direção do SINTUFSC perdendo seu protagonismo, como uma ferramenta de luta, lançamos a Chapa 1 – TAES livres sindicato democrático de luta, como uma opção real para a luta dos direitos dos trabalhadores não só da UFSC, como de todos os trabalhadores da sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*